NOSSA FAN! CURTA E CLIQUE

Presidente da Câmara pede volta de projeto que cria Dia do Orgulho Hetero

As comissões da Câmara Federal votarão em dois projetos de autoria do presidente da Casa, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), um deles é a proposta da criação do “Dia do Orgulho Hetero”.
O tema é polêmico, mas Cunha justifica o projeto dizendo que é preciso “resguardar direitos e garantias aos heterossexuais de se manifestarem e terem a prerrogativa de se orgulharem do mesmo e não serem discriminados por isso”.
O deputado afirma que seu projeto se torna necessário diante das propostas do movimento gay e da luta contra o preconceito. “No momento em que discute preconceito contra homossexuais, acabam criando outro tipo de discriminação contra os heterossexuais e, além disso, o estimulo da ‘ideologia gay’ supera todo e qualquer combate ao preconceito”.
A proposta do “Dia do Orgulho Hetero” deixaria o terceiro domingo de dezembro como a data para comemorar a heterossexualidade. O projeto foi apresentando em 2011 e será reapresentado agora a pedido do próprio deputado que agora é presidente da Câmara.
Outro projeto que deve ser discutido pelas comissões é uma proposta que estabelece medidas e políticas antidiscriminatórias para heteros. A proposta visa fixar crimes resultantes de discriminação contra heterossexuais, entre elas medidas punitivas para estabelecimentos comerciais e industriais e demais entidades que discriminarem heterossexuais ou recusar o ingresso ou permanência dos mesmos.

Com informações Folha de SP- VIA NP!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícia Pentecostal agradece o contato! Curtam nossa Fan Page! A paz...