NOSSA FAN! CURTA E CLIQUE

Declarações de Thalles Roberto levam a debates sobre gospel / secular e respostas de cantores!

Convidado para ministrar durante uma Conferência na Comunidade das Nações, em Brasília (DF), Thalles Roberto deu declarações que acabaram gerando polêmica e levantando novos debates sobre temas como música gospel / secular e também levou diversos cantores, produtores musicais e pastores a se manifestarem sobre o assunto.
Em um dado momento de sua palavra, Thalles chegou a afirmar que Deus teria lhe dito que ele estava 'acima da média entre os cantores do meio gospel, porque estava no meio de gente fraca'. Além disso, o cantor também afirmou que 'fazer música no meio gospel é muito fácil'.

"Eu quero ver você lá fora, na frente do Ben Harper, do Usher. Aqui é como bater em bêbado. Música gospel é tudo igual, irmão. Qualquer um escreve e faz", disse.
Segundo o próprio cantor, a proposta seria de gravar um novo CD no qual seriam tratados assuntos não diretamente relacionados à mensagem do evangelho, para ter espaço fora do meio cristão.
"O pastor Miles me falou assim: 'Vocês se lembram do que eu falei quando eu entrei aqui? Se lembram do que eu preguei um ano atrás? E a há 5 anos?'. A gente respondeu: 'não'. Aí ele cantou assim: 'Let it Be, Let it Be...' e me perguntou: 'você conhece esta canção?'. Eu disse que sim! Então ele falou: 'Você conhece esta música que foi escrita há tantos anos e não sabe o que eu acabei de falar. A música é mais poderosa que as palavras. Você tem que sair e cantar lá fora", contou Thalles durante sua ministração.
Nomes como Leonardo Gonçalves, André Mattos, Ton Carfi, Wesley Ros e diversos outros comentaram o assunto, não apenas criticando as palavras de Thalles, mas também propondo uma reflexão sobre os efeitos que tais declarações podem gerar entre os cristãos.


Pastor Wesley Ros (produtor musical)
Falando com exclusividade ao Guiame, o renomado guitarrista e produtor musical, Pr. Wesley Ros destacou que as declarações de Thalles ilustram uma 'fase doente' do cristianismo.
"Estamos passando por uma fase doente, onde trocamos facilmente o processo de cura, discipulado, libertação, salvacão e avivamento por entretenimento. Isso facilita pra quem sabe dançar, pular cantar. Basta ter um bom acesso pra mostrar a sua arte que a galera sedenta de agito sobe na arvore sem observar se ela tem ou não raízes. Deus está fazendo uma reciclagem na visão. Artistas vão voltar a ser adoradores e os palcos serão substituidos por altares", afirmou.
Wesley Ros também publicou um vídeo no Youtube, no qual comenta com mais detalhes as declarações de Thalles. Com apenas um dia de publicação, o vídeo já está sendo copiado por diversos canais do Youtube e acumulando dezenas de milhares de visualizações.


Ton Carfi
Citando a passagem do capítulo três da carta do apóstotolo Paulo aos Filipenses, Ton Carfi dirigiu sua palavra a Thalles, criticando suas afirmações.
"Poxa 'Irmãozinho', de todos os milhares de fãs que vc disse que tem, eu sou (ou era) um desses. Entendo que se vc recebeu um direcionamento de Deus para fazer um trabalho paralelo a música gospel para salvar os perdidos ninguém poderá de julgar ou te parar", iniciou.
"Mas 'irmaozinho', menosprezar a música Cristã juntos com seus cantores e compositores se colocando como melhor do que todos eles juntos (isto está em um novo vídeo divulgado onde vc diz literalmente que é melhor que todos os cantores da musica gospel JUNTOS, e que se juntar a grana de todos os cantores gospel juntos não dá metade da sua riqueza), se colocando acima da média, dizendo que uma música secular marca muito mais que uma pregação e dizendo que seu próximo cd não é mãos para o seu público que o ajudou a chegar até aqui, pra mim já é D+!".


Leonardo Gonçalves
Após manifestar-se sobre as palavras de Thalles Roberto na semana passada, Leonardo Gonçalves confessou que se entristeceu com o resultado de sua postagem.
"Hoje acordei triste. Publiquei ontem um texto a respeito de algumas declarações públicas de Thalles Roberto. Meu texto foi sincero. E não acho nada que eu tenha escrito 'errado'. O objetivo do que escrevi foi de tentar canalizar toda a consternação q eu e mts outros estávamos sentindo em uma direção mais cristã, porque estava havendo muito sarcasmo (talvez numa tentativa de não levar tudo tão a sério) e outros sentimento ainda menos nobres", explicou.
"O escrevi [texto] pouco antes de sair pra cantar, fui à igreja, atendi as pessoas, jantei e voltei pro hotel depois de 1 am [madrugada]. Foi qdo entrei no FB de novo pra olhar q comecei a me sentir mal. Nunca um texto na minha página foi tão curtido, tão compartilhado, tão comentado e teve um alcance tão grande. Ganhei mais de 20.000 likes na página! E isso me parece um sintoma de algo q não é mto legal. Me senti como fazendo parte do "lado errado" desta história toda, msm q eu não tenha (na minha opinião) escrito nada errado".


Marcos Almeida
Apesar de não citar especificamente o nome de Thalles Roberto, o cantor, compositor e escritor Marcos Almeida destacou que a discussão estaria além do dualismo entre gospel e secular.
"Se você trabalha com as mesmas perguntas de sempre nunca vai conseguir uma visão diferente. Pare de pensar em Gospel/Secular. Muda a pergunta! O absurdo é que alguns acreditam que essa polaridade é uma ordenança divina, como os dez mandamentos. Gente, isso é construção, é artefato da nossa cultura", afirmou.
"Isso quer dizer o que? Que sendo construção, podemos desconstruir. Só que não se desconstrói o gospel indo pro secular. Isso é reforçar a polaridade. Entendeu?".

Reino dividido
Entre expressões como 'mercenário', 'não julgueis' e a mais nova hashtag '#AcimaDaMedia', o que é possível ver são os efeitos das colocações mal feitas de Thalles Roberto na semana passada.

Artistas talentosos que expressaram (cada à sua forma), a tristeza com as palavras de outro grande cantor.
Apesar de já retirado da página do cantor, um trecho do texto de Leonardo Gonçalves chamou a atenção, pelo posicionamento com relação à ousada estratégia de Thalles, evitando que tais declarações soem como um fator de divisão no Reino.
"Se Ele [Jesus] está chamando você pra cantar outras coisas para outras pessoas, faça isto! Eu e muitos outros cantores cristãos estaremos orando por você. Se não der certo e você quiser voltar, também estaremos aqui, para receber você de braços abertos, mais uma vez, se necessário for. Porque assim é o Evangelho", disse.


FONTE: PORTAL GUIAME!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícia Pentecostal agradece o contato! Curtam nossa Fan Page! A paz...