NOSSA FAN! CURTA E CLIQUE

Mudança na Constituição: “PEC de Deus” avança e recebe apoio até de parlamentares do PT.

A polêmica proposta de mudança da Constituição para alterar o texto que diz que o “poder emana do povo” está ganhando vulto na Câmara dos Deputados. O autor da PEC XXX, cabo Daciolo (sem partido-RJ), foi expulso do PSOL por causa da proposta, considerada agressiva ao conceito do Estado laico.

A “PEC de Deus”, como ficou conhecida a proposta, recebeu apoio de diversos parlamentares que não integram a Frente Parlamentar Evangélica (FPE), de acordo com informações do jornalista Lauro Jardim, no site da revista Veja.
“A PEC foi apresentada por Daciolo, mas assinada por muita gente que nem da bancada evangélica é. Assinaram o texto, por exemplo, Bruno Covas, Rodrigo Maia, Marcus Pestana e Paulo Maluf. Até Paulo Pimenta, colocado pelo PT na presidência da Comissão de Direitos Humanos para fazer frente à bancada evangélica, assinou a proposta”, escreveu Jardim.O relator da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) será o pastor Eurico da Silva (PSB-PE). Pastor Eurico, como é conhecido, ganhou os holofotes nacionais ao se indispor com a apresentadora Xuxa Meneghel durante uma audiência pública na Câmara dos Deputados, chamando-a de pedófila por ter feito um filme erótico décadas atrás com um menino.
“Pastor Eurico é um dos mais radicais integrantes da bancada evangélica”, comentou Jardim. Caso aprovado na CCJ da Câmara, o texto seguirá para votação em dois turnos no plenário da Casa, e se o resultado for favorável, seguirá para o Senado, que deverá apreciá-lo também em dois turnos. Ao final dessa maratona, se a decisão for a favor da mudança da Constituição, a “PEC de Deus” será encaminhada para a presidente Dilma Rousseff (PT), para sanção ou veto. 


FONTE: CONEXÃO 10.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícia Pentecostal agradece o contato! Curtam nossa Fan Page! A paz...