NOSSA FAN! CURTA E CLIQUE

PC Baruk fala sobre trajetória na música: "A gente só se torna conhecido para servir aos irmãos"

Foi como embaixador da Visão Mundial, um projeto humanitário de apadrinhamento de crianças, que Paulo César Baruk esteve presente na 4° edição da FLIC. "Imensamente feliz, surpreso e grato a Deus pela oportunidade" foram as palavras usadas por ele para descrever o sentimento de fazer parte desse movimento missionário.
Em entrevista exclusiva ao Guiame, Baruk ainda ressaltou a importância da música para promover ações sociais como essa. "A música é uma ferramenta poderosa que pode ser usada de forma muito boa ou de uma forma que não se aproveite muita coisa. O conteúdo das canções é sempre baseado na palavra de Deus, isso com apelo social também, porque também é bíblico, também é cristão."
Baruk aponta que a música deve ser agarrada como ferramenta, e não como fim em si mesma — e isso tem feito toda a diferença. "Através da música a gente acaba se tornando um pouco mais conhecido para quê, se não para servir ao Reino, se não para servir aos irmãos, se não para glorificar o nome do Senhor? Que o talento que Deus me confiou esteja sempre a disposição do Reino de Deus."
Como produtor musical, responsável pela Salluz Produções, Baruk trabalha trocando informações com os mais experientes, mas também aconselha os mais novos. "Quando algumas pessoas mais novas estão começando, o que posso dizer como conselho é: 'Não foque o sucesso em primeiro lugar'. Isso pode ser uma boa consequência, mas para que você quer fazer isso?", questiona.
"A gente conversa muito não só no âmbito musical e na produção técnica, mas a gente conversa muito sobre as experiências ministeriais que a gente tem adquirido. Ministério é serviço. Quando alguém grava um CD eu pergunto: 'Você está entendendo o que você está fazendo? Você está se dispondo ao serviço!'. Muita gente, quando chega ao estúdio, não faz a menor ideia de que seja algo parecido com isso", conta o cantor.


Paulo César Baruk durante apresentação na 4ª Feira Literária Internacional Cristã. (Foto: Guiame/ Marcos Paulo Corrêa)

Graça

O último CD de Baruk, "Graça", tem rendido novos projetos. Além dos recém-lançados "Graça Acústico" e "Graça Para Ninar", uma versão no ritmo eletrônico está prevista para ser publicada em setembro. Mas o cantor deixa claro que a intenção não é divulgar a marca, mas a mensagem.
"A minha maior intenção não é ser conhecido em outros lugares. O que eu quero, de verdade, é que o conteúdo que a gente considera sadio chegue em mais lugares do que chegou até agora. A gente tem tido um feedback muito bacana de pessoas que têm muita profundidade bíblica, considerando que o conteúdo está cristocêntrico, saudável", disse ele.
"Nosso prazer é que as pessoas desfrutem da Graça de Deus, que não é um convite ao delito e sim, um convite ao deleite. A graça de Deus é maravilhosa, nos enriquece, nos alivia das culpas e dos fardos que a gente insiste em carregar no dia a dia. Mas cada um conhece de um jeito, porque ela é multiforme", afirma Baruk.

Fonte: Guiame, Luana Novaes
  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícia Pentecostal agradece o contato! Curtam nossa Fan Page! A paz...