NOSSA FAN! CURTA E CLIQUE

Pastor Silas Malafaia se diz perseguido pelo governo: "Eu não tenho medo. Maior é o que está comigo"

Na manhã deste sábado (12), foi ao ar mais uma edição do programa Vitória em Cristo, apresentado pelo pastor Silas Malafaia. Após a transmissão de uma de suas pregações, líder aproveitou para falar sobre cidadania e o papel do cristão diante da política.
"Temos que orar pelas autoridades constituídas. Temos que clamar pela nossa nação. [...] Vamos interceder pelo nosso país, para que Deus livre o Brasil do caos social, econômico, da desgraça. Nós temos uma arma espiritual poderosa, que é a oração", alertou.
Além de fazer alertas sobre a importância de que se faça uma boa pesquisa sobre a reputação e os projetos dos candidatos antes de decidir sobre o voto, o pastor afirmou que tem sido perseguido pelo atual governo federal.
"Eu tinha tudo para nem orar por esse governo. Esses caras me perseguem que vocês não têm ideia. Eu ainda não abri a minha boca, primeiro porque eu tenho o Espírito Santo para me orientar. Segundo, eu tenho um advogado que faz parte de uma grande banca. [...] Não está na hora de eu falar. [...] Há dois anos, de maneira implacável, esses caras têm me perseguido", afirmou.
"Eu estou só juntando provas. Na hora que tiver que ir para a justiça, na hora em que a covardia aumentar e chegar em um nível que não tem mais saída, eu estou preparado para enfrentá-los no judiciário. Só estou dizendo aqui: eu não tenho medo deles. Maior é o que está comigo. Eles não vão prevalecer contra mim".

Internet
O pastor também relatou que foi convidado para falar na CPI dos Crimes Cibernéticos e pediu aos telespectadores que estejam orando por ele.

"Eu estou entre os 10 brasileiros mais perseguidos pelas redes sociais. Glória a Deus!", disse.

FONTE GUIAME.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícia Pentecostal agradece o contato! Curtam nossa Fan Page! A paz...