NOSSA FAN! CURTA E CLIQUE

Bancadas evangélica e católica se unem contra o aborto

 A decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de descriminalizar o aborto de crianças com até 12 semanas gerou diferentes protestos no Congresso Nacional. Em meio a muitos debates e discursos, a Frente Parlamentar Evangélica, a Frente Parlamentar Mista Católica e a Frente Parlamentar em defesa da Vida e da Família fizeram uma manifestação pública no Salão Verde da Câmara.

Empunhando faixas, cartazes e bandeiras, gritavam palavras de ordem que manifestavam sua contrariedade com a decisão do STF – que na prática legaliza a interrupção da gravidez. Foi lida uma nota pelo deputado federal João Campos (PRB/GO), que classifica a situação como um “grave precedente” jurídico.
“Não há direito que se sobreponha ao direito à vida”, reitera o documento, que repudia “qualquer tentativa de liberação do aborto”. Os parlamentares lembram que as leis brasileiras em vigor protegem os direitos dos cidadãos “desde a concepção”.
Finaliza conclamando que todos os cristãos do Brasil façam intercessões pelo país e se unem em manifestações contrárias a liberação do aborto em solo brasileiro. O objetivo é unir as forças em prol de iniciativas que visem pôr fim a esta situação.

Um comentário:

  1. ABORTO E CRIME UM SER INOCENTE NÃO MERECE MORRER SEM PODER SE DEFENDER DEUS ILUMINE ESSA NAÇÃO SOMOS TODOS AFAVOR DA VIDA... Diga não ao aborto... ACORDA IGREJA ACORDO BRASIL..

    ResponderExcluir

Notícia Pentecostal agradece o contato! Curtam nossa Fan Page! A paz...